Como falar no Rádio

06/10/2010 06:38

CAPÍTULO 3

“Não existem vozes de locutor. No

rádio, como na vida, há lugar para todas as

formas de falar. Em uma rádio democrática

todas as vozes são bem-vindas. A questão é ver

em qual tipo de programa ela se acomoda

melhor. Cada pássaro no seu galho e cada voz

no seu formato.” (Manual Urgente para Radialistas

Apasionados. José Ignácio Lopéz Vigil).

O que é?

Falar no rádio deve ser a mesma coisa que falar com os amigos. Isto quer dizer

que nossa locução deve ser como uma conversa, assim como um bate-papo com amigos,

com muita descontração. Porém, até para sermos informais, precisamos de muita

produção. Assim, antes de ir para o ar, precisamos preparar o que vamos falar, prestar

muita atenção no que falamos e nunca deixar de lado algo fundamental que é o respeito

ao ouvinte.

Ao falar no rádio devemos usar palavras simples para que todos possam

entender, frases curtas e claras e evitar o uso das expressões negativas. O texto deve ser

escrito como se fala. Assim, ao ser lido, sairá com naturalidade e vai parecer que o fato

está sendo contado.

Para falar no rádio, devemos estar atentos aos componentes: voz, dicção,

articulação e entonação. Tudo isso junto, de forma harmoniosa, nos possibilitará

transmitir, com segurança, o que precisamos. Não basta termos bons programas com

excelentes conteúdos e qualidade técnica, se não conseguimos, através de nossa fala,

transmitir credibilidade, confiança e simpatia. Ninguém gosta, por exemplo, de ouvir

alguém pigarreando o tempo todo no ar, tossindo, completamente rouco ou falando

estridentemente. Portanto, são fundamentais alguns cuidados com nossa voz.


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!